ACESSE SUA CONTA

Esqueci minha senha

NÃO POSSUI CADASTRO

Fazendo seu cadastro, você:

marco tanaka
  j \d\e F \d\e Y  

Comunidades pesqueiras de rota ecológica no Alagoas buscam apoio para combater a vulnerabilidade social trazida pelo vírus da Covid-19

Localizadas na Área de Proteção Ambiental (APA) Costa dos Corais, elas tiveram boa parte de suas atividades paralisadas durante a pandemia do novo coronavírus

14 de setembro de 2020

Desde 2011, a Fundação SOS Mata Atlântica realiza o projeto Toyota APA Costa dos Corais, em coooperação com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e patrocínio da Fundação Toyota do Brasil, na região da Área de Proteção Ambiental (APA) Costa dos Corais, famoso por suas belas praias e destinos turísticos, como São Miguel dos Milagres, Maragogi, entre outras cidades. Porém, desde o vazamento de óleo no Nordeste e agora com a pandemia ocasionada por conta do novo coronavírus, as comunidades da região tiveram sua vida totalmente alterada.

Visando contribuir para reduzir a situação de vulnerabilidade das famílias da região, o Instituto Yandê está aceitando doações para auxiliar as famílias da Rota Ecológica (trecho do litoral norte de Maceió que abrange Passo de Camaragibe, São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras). Parceiro do projeto Toyota APA Costa dos Corais, o Instituto tem como visão desenvolver a sustentabilidade da região turística, enfrentando os desafios da população local como saúde, educação, qualificação profissional e acesso a cultura, como também estimular a conservação e fiscalização de seu principal atrativo: a natureza.

Recentemente, em parceria com a Fundação Toyota do Brasil, o Instituto distribuiu cestas básicas para 756 famílias da região que depende diretamente do turismo. Além disso, em parceira com o grupo Voluntários dos Milagres e a Magazine Luiza, realizaram a distribuição de mais de 500 cestas básicas para famílias das áreas rurais e urbanas de São Miguel dos Milagres.

Atividades como pesca e turismo foram extremamente impactadas pela pandemia do novo coronavirus, pois suas atividades foram paralisadas. Muitas famíias dependem exclusivamente destes mercados e, portanto, passam por situação de ainda mais vulnerabilidade, pois muitos deles não conseguiram acessar o auxílio emergial do Governo Federal.

O Instituto segue contribuindo para amenizar os impactos da pandemia na região e, para que este trabalho continue, é importante novos apoios e que mais gente contribua, dentro de suas possibilidades. A organizaçao tem recebido doações de pessoas físicas e jurídicas. Segue abaixo os dados bancários:

Instituto Yandê: educação, cultura e meio ambiente
CNPJ.:
16.629.389/0001-79
Banco Bradesco
Agência.:
6109
Conta Corrente.: 5762-2

Além disso, a comunidade de pescadores da Barra de Santo Antônio também está realizando campanha de doações. A comunidade perdeu alguns de seus integrantes para o novo coronavirus e está bastante assustada. Seguindo em casa, em isolamento social, muitos deles necessitam de itens essenciais. Com isso, o Laboratório de Conservação no Século 21 (Lacos 21) e o projeto PELD Costa dos Corais Alagoas, iniciaram a campanha Pescando Ajuda. Quem quiser contribuir pode fazer uma doação para:

Ana Paula de Oliveira dos Santos
CPF:
815.476.764-34
Banco do Brasil
Agência:
1139-8
Conta Corrente: 16.719-3

Caixa Econômica
Agência:
2392
Operação: 013
Conta Poupança: 000444486-3

Crédito: Fundação SOS Mata Atlântica

COMPARTILHE