ACESSE SUA CONTA

Esqueci minha senha

NÃO POSSUI CADASTRO

Fazendo seu cadastro, você:

marco tanaka
  j \d\e F \d\e Y  

Fundação fará plantio do bosque do primeiro santo brasileiro

13 de junho de 2016

A Arquidiocese de Aparecida firmou um convênio com a SOS Mata Atlântica para a criação do Bosque Laudato Si (Louvado Sejas), em área doada pela prefeitura de Guaratinguetá ao Santuário do Frei Galvão, o primeiro santo brasileiro.

Segundo o Cardeal Arcebispo de Aparecida, Dom Raymundo Damasceno Assis, a implantação do bosque é o primeiro ato da ampliação do santuário e o nome foi escolhido como homenagem à Encíclica do Papa Francisco sobre o cuidado com a nossa Casa Comum, o Planeta Terra.

“O local com certeza será um espaço de contemplação, reflexão, introspecção e de oração”, afirmou o cardeal.parceria aparecida frei galvao bosque

“O plantio de uma árvore é uma comunhão com a natureza. O ciclo do café quando passou por essa região deixou riqueza, mas também pobreza e destruição. O nome do país vem de uma árvore, o maior ativo que a gente tem vem da natureza. Então, é muito simbólica essa retomada e valorização do meio ambiente”, disse Mario Mantovani, da SOS Mata Atlântica.

Com o convênio, a SOS Mata Atlântica incluirá os 5 hectares do bosque Laudato Si no Programa Florestas do Futuro, que tem por objetivo o reflorestamento e a recuperação de áreas da Mata Atlântica. Para a restauração da área do bosque será efetuado o plantio de aproximadamente 8 mil mudas de árvores nativas da Mata Atlântica.

“A SOS Mata Atlântica já promoveu o plantio de 36 milhões de árvores em nosso país. Essa parceria institucionalizada entre a igreja e a sociedade civil é muito importante e estamos muito felizes com a possibilidade de fazer o trabalho de reflorestamento também neste Santuário”, disse Mantovani.parceria aparecida frei galvao bosque 2

Também foi firmada uma parceria com o Santuário de Aparecida para a restauração florestal de áreas de sua propriedade no município.

A SOS Mata Atlântica não tem caráter partidário ou religioso, estando aberta a todas as entidades religiosas que queiram firmar parcerias para a proteção e restauração do meio ambiente.

 

COMPARTILHE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS RELACIONADAS