Notícias
Se mantenha informado sobre nossas ações
marco tanaka
  j \d\e F \d\e Y  

Fundação SOS Mata Atlântica e Ara Vartanian firmam parceria

27 de setembro de 2018

Com o objetivo de fazer a diferença e colaborar para que o mercado de luxo esteja cada vez mais conectado com os tempos atuais, Ara Vartanian abre sua agenda para discutir as questões sociais, ambientais e culturais. A ideia é que a partir desse olhar atento possa fazer melhorias, sensibilizar toda sua cadeia de valor para temas relacionados à sustentabilidade e se tornar um agente de mudanças no mercado nacional e internacional.

Chiara Gadaleta, Marcia Hirota e Ara Vartanian
Chiara Gadaleta, Marcia Hirota e Ara Vartanian

Unindo ética, estética e com a expertise do Portal ECOERA, a Ara Vartanian apresentou nesta segunda-feira (24), o “O Futuro É Brilhante”, um programa de práticas de impacto positivo em parceria com instituições e projetos socioambientais com objetivo de sensibilizar o mercado de luxo para questões como as mudanças climáticas e a conservação dos nossos biomas brasileiros.

Em parceria com a Fundação SOS Mata Atlântica, a Ara Vartanian irá colaborar com a recuperação de uma área florestal na cidade de Promissão (SP). “É muito importante que as empresas se atentem à sua cadeia de valor, buscando reduzir sempre seu impacto sobre as florestas nativas e ambientes naturais. A Mata Atlântica agradece,

Atelie de Ara Vartanian
Ateliê de Ara Vartanian

pois é um dos biomas mais ameaçados do Brasil, com apenas 12,4% de vegetação remanescente. Acreditamos que uma marca como a Ara Vartanian pode ser exemplo para outras empresas do setor“, ressalta Marcia Hirota, diretora-executiva da SOS Mata Atlântica.

Na ocasião, também foram apresentadas peças criadas em parceria com o “Projeto Kaapu” em uma das aldeias da tribo indígena Wai Wai no estado do Pará, na região Amazônica. “Precisamos valorizar nossos tesouros naturais e manuais, além de colaborar com a qualidade de vida de comunidades artesãs por todo nosso Brasil. Com essas parcerias, esperamos que cada vez mais o mundo possa ter acesso a essas culturas e que cada vez mais essas culturas possam ter acesso ao mundo”, afirma Ara Vartanian.

COMPARTILHE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS RELACIONADAS