ACESSE SUA CONTA

Esqueci minha senha

NÃO POSSUI CADASTRO

Fazendo seu cadastro, você:

marco tanaka
  j \d\e F \d\e Y  

Público tem até 7 de outubro para visitar a Mostra Sustentável

4 de outubro de 2018

Com mais de 70 expositores, o evento envolve profissionais engajados pela arquitetura e decoração sustentável, com a revitalização de 40 ambientes do Serviço de Saúde Cândido Ferreira

Em sua segunda edição em 2018, a Mostra Sustentável demonstra que a solidariedade é uma importante engrenagem na sociedade. “A Mostra tem como característica fundamental demonstrar o poder da colaboração. Com o objetivo comum de atender a instituição que nos acolhe, grupos distintos se unem em torno do propósito de deixar um legado social”, explica o idealizador e realizador do projeto, Fernando Caparica Santos. Para o evento, 73 expositores assinam ambientes como fachada e varanda, lobby e recepção, hall da escada, jardins, banheiros e lavabo, quartos, studio, salas diversas, corredores, espaço gourmet, área de leitura, loja, café, lounges, churrasqueira entre outros.

A Mostra é um evento de arquitetura e paisagismo, arte e design de interiores, em prol de uma causa social, reunindo profissionais do setor, sociedade civil, poder público e iniciativa privada, com o objetivo de revitalizar uma instituição com atuação em prol da sociedade onde atua.

O local onde será realizada a Mostra+Sustentável 2018 foi tombado como patrimônio histórico municipal pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Campinas (CONDEPACC). Em junho, um mutirão de voluntários se reuniu para pintura do prédio da entidade escolhida. Cerca de 250 integrantes do projeto Mãos que Ajudam (MQA) deram outra cor e outra cara para o local. As cores que foram utilizadas na pintura remontam ao tom original do prédio, obtido por uma técnica de remoção de camadas de tintas aplicadas nas paredes no decorrer dos anos, realizada pelos arquitetos da Mostra e pelo CONDEPACC.

A Mostra ainda contará com Visitas escolares com mais de 400 alunos do ensino fundamental II e do EJA, sob os temas sustentabilidade e prevenção ao uso de drogas; Ativações culturais, com apresentações musicais e exposição de arte; Inclusão, por meio de visitação monitorada para deficientes auditivos e visuais; e Gastronomia, com um café bistrô oferecendo pratos orgânicos durante todo o período de visitação e eventos pontuais com a execução de pratos para degustação pelos restaurantes locais.

COMPARTILHE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS RELACIONADAS