Viva a Mata

Seja voluntário no mês da Mata Atlântica


Nos dias 5, 11 e 18 de maio, o público participou da ação “Seja voluntário no mês da Mata Atlântica”. A ação aconteceu no parque Trianon, da Água Branca, ambos em São Paulo, e no Centro de Experimentos Florestais SOS Mata Atlântica – HEINEKEN Brasil, em Itu.

No Parque Trianon, mais de 70 pessoas puderam participar da primeira ação do Viva a Mata 2019. Em um cenário que aparentemente não remete meio ambiente – a Avenida Paulista, um refúgio de área verde desperta a atenção dos mais curiosos. Durante a atividade, os voluntários puderam contribuir para a conservação ambiental de um jeito diferente. Eles retiraram 900 litros (sacos de lixo) de plântulas de seafórtia e lixo, e 100 litros (sacos de lixo) de sementes de seafórtia. Também foram plantadas nove árvores de cerca de 1,5 metro de altura de jequitibá-branco, palmito-juçara e pau-viola. Alguns voluntários preparam as mudas para plantio e, no geral, o sentimento era de evidente vontade de contribuir para ações socioambientais. Clique aqui e saiba como foi. Aproveite para ver a galeria com as imagens do evento.

Já no dia 11 de maio, mais de 120 pessoas participaram da segunda ação do “Seja voluntário no mês da Mata Atlântica“. Desta vez, o evento ocorreu no parque da Água Branca, área que oferece um ar de fazenda, com galinhas e patos circulando entre as pessoas. Durante a atividade, os voluntários realizaram um mutirão de limpeza que, em alguns momentos, chegou a chocar os participantes. Entre os lixos encontrados na Área de Preservação Permanente (APP) do parque, que protege uma nascente, estavam uma mesa de plástico, uma caixa de chocolate fechada e um pote de vidro com algo não identificado dentro, mas que se mantinha intacto lá dentro. Em outro momento, o grupo realizou duas análises da qualidade da água de lagos do parque. Ambos estavam com situação regular – resultado semelhante ao obtido no último ano pelo grupo que monitora os lagos do parque mensalmente –, mas o envolvimento das pessoas para entenderem o significado desta avaliação era grande. Veja como foi esta atividade.

Para encerrar as atividades do “Seja voluntário”, mais de 100 pessoas foram para Itu conhecer o Centro de Experimentos Florestais SOS Mata Atlântica – HEINEKEN Brasil. Em uma manhã chuvosa, o público não só conheceu o local, mas realizaram atividades que contribuirão para a recuperação da Mata Atlântica, conhecendo desde o processo de produção de mudas até a manutenção das áreas. Foram plantadas 1.000 mudas de árvores nativas da Mata Atlântica, de aproximadamente 60 espécies diferentes – como embaúba, ipe-branco, jatobá, pitanga e uvaia. Eles prepararam as mudas nos chamados “rocamboles“ – como o próprio nome diz, são enroladas aproximadamente 10 mudas para levá-las à área de plantio. Também cavaram os berços das árvores e depois plantaram, não esquecendo de usar o curioso “xuxo“ – pedaço de bambu usado para marcar o berço no exato tamanho necessário para o plantio da muda. Leia o depoimento dos voluntários participantes.

O Viva a Mata 2019 contou com o apoio de Bradesco Cartões, Colégio Dante Alighieri, Globo, Latam, Unibes Cultural e das secretarias Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente e Municipal do Verde e do Meio Ambiente.

 

 

 


Compartilhe