A Mata Atlântica é Aqui – Exposição Itinerante do Cidadão Atuante

A Mata Atlântica é Aqui – Exposição Itinerante do Cidadão Atuante
12/06/2012


Em 2009, a Fundação SOS Mata Atlântica lançou, no Viva a Mata, o projeto A Mata Atlântica é Aqui – Exposição Itinerante do Cidadão Atuante. O programa percorre diversas cidades da Mata Atlântica em todo o país, durante todo o ano, levando educação e conscientização ambiental à população local e regional.

Trata-se de um caminhão adaptado pela SOS Mata Atlântica para servir de palco à exposição. O veículo permanece em cada cidade de uma a duas semanas, período em que a equipe de biólogos e educadores ambientais da ONG promove atividades gratuitas e destinadas ao público de todas as idades. Algumas dessas atrações são organizadas pela própria SOS Mata Atlântica, e outras por meio de parcerias locais. Dentre elas, destacam-se: palestras, oficinas, jogos educativos, exposições, apresentações artísticas, exibições de vídeos e maquetes interativas, análise de água de rios da região, etc. Qualquer pessoa pode participar e o projeto conta com uma estrutura própria para receber deficientes físicos.

O objetivo do projeto é levar educação e conscientização ambiental para todos os lugares onde ocorre o bioma, estimulando a população a aprender de forma divertida sobre a Mata Atlântica e como preservar o que resta dela. Para isso conta com o patrocínio de Bradesco Cartões e Volkswagen Caminhões & Ônibus e apoio de prefeituras, secretarias, ONGs e movimentos locais.

Em cada local, a equipe reforça que a conservação ambiental contribui não só para a qualidade de vida, como também para a economia da cidade. Por exemplo, a água tratada de forma correta exige menor quantidade de produtos químicos para filtrá-la. O lixo eliminado de forma adequada facilita a reciclagem e possibilita menor extração de matérias-primas da natureza. A diminuição de áreas preservadas pode agravar catástrofes naturais, como deslizamentos de terra e alagamentos, principalmente em territórios próximos às áreas urbanas, além de causar danos à população. Além disso, em cada cidade, a equipe do projeto coleta amostras dos rios locais para o monitoramento da qualidade de suas águas com o kit de monitoramento desenvolvido pela Rede das Águas.

Ao todo, o caminhão já percorreu mais de 60 mil quilômetros no território nacional e foi visitado por mais de mais de 560 mil pessoas . Além disso, a iniciativa contabiliza de 166 corpos d’água monitorados e centenas de ONGs, instituições e secretarias locais envolvidas nas atividades. As emissões do caminhão são compensadas por plantios realizados pelo Programa Florestas do Futuro.


Projeto itinerante - 4° ciclo: Nosso Verde Também Depende do Azul

Compartilhe