SOS Mata Atlântica e Santuário Nacional vão monitorar qualidade da água do rio Paraíba do Sul em São Paulo

SOS Mata Atlântica e Santuário Nacional vão monitorar qualidade da água do rio Paraíba do Sul em São Paulo

Iniciativa envolverá voluntários para monitoramento e as inscrições estão ABERTAS!

5 de outubro de 2021

A Fundação SOS Mata Atlântica e o Santuário Nacional de Aparecida lançam uma iniciativa para a instalação dos dois primeiros pontos de monitoramento do Rio Paraíba do Sul no estado de São Paulo. Localizados nos municípios de Aparecida e Guaratinguetá, os pontos vão ajudar a avaliar a qualidade da água na região durante os próximos três anos.

Faça sua inscrição aqui!

“Para nós a iniciativa é importante por dois motivos: primeiro porque faz parte de um grande projeto de restauração já realizado na região, fruto da parceria entre a SOS Mata Atlântica e o Santuário de Aparecida”, explica Gustavo Veronesi, geógrafo e coordenador da causa Água Limpa na SOS Mata Atlântica. “E também porque, como parte de uma série de ações de educação e mobilização que vem acontecendo desde 2018, vai nos ajudar a acompanhar e analisar a qualidade da água do rio para saber que medidas podem e devem ser tomadas”, completa. 

Rio Paraíba do Sul – Aparecida (SP)
Foto: Gustavo Cabral – @gustavocabralfoto

O monitoramento terá início em novembro, mas o lançamento tem o objetivo de convidar voluntários para participar da iniciativa. Os interessados receberão treinamento e capacitação gratuitos. Para isso, é necessário se inscrever até 20 de outubro por meio de um formulário já disponível. A capacitação (teoria e prática) acontecerá no dia 23 de outubro de 2021,  sábado, das 9h às 15h.

Os pontos de monitoramento instalados na região vão utilizar a metodologia do Observando os Rios, programa da Fundação SOS Mata Atlântica que reúne e mobiliza comunidades para monitorar a qualidade da água de rios, córregos e outros corpos d’água dessas localidades. É possível participar de grupos de monitoramento já existentes ou ajudando a criar novos grupos em rios e mananciais de suas comunidades. 

 

Coleta do Observando os Rios no Rio de Janeiro
Foto: Peterson de Almeida

O monitoramento da água é realizado com uma metodologia desenvolvida pela SOS Mata Atlântica que utiliza um kit de análise e indicadores de percepção para levantar o Índice de Qualidade da Água (IQA), padrão internacional adotado para avaliar a condição ambiental da água doce. Os grupos fazem a coleta e a medição da qualidade da água uma vez por mês e disponibilizam os resultados em um banco de dados na internet.

Os indicadores levantados por todos são reunidos em relatórios técnicos anuais que  formam o retrato da qualidade da água dos rios dos 17 estados da Mata Atlântica. O Rio Paraíba do Sul já conta atualmente com quatro pontos de monitoramento localizados no Norte Fluminense.

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não utilizaremos suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Enviaremos sempre os melhores materiais, convites e notícias.

Não utilizaremos suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Ajude a Fundação a conquistar mais resultados.

Fundação SOS Pro-Mata Atlântica

info@sosma.org.br

+55 (11) 3262-4088

Av. Paulista, 2073 - Horsa 1 - Conj. 1318

01311-300 - Bela Vista - São Paulo/SP

57.354.540/0001-90

2021 © SOS Mata Atlântica